Pipocas, sonhos e serpentinas

carnavalEla era mais uma entre tantas outras, comum e sem muitos atributos. Desde pequena estava acostumada a ser invisível. Na infância era a última a ser escolhida para as brincadeiras como queimado ou pique bandeirinha. À noite sua mente viajava para os reinos encantados, cheios de unicórnios e diversão. Porém, na manhã seguinte, ela acordava sem forças para encarar o mundo acinzentado em que vivia.

Os pais preocupados com os sintomas da menina, a levaram para um especialista. Logo, o psicólogo chamou os pais para uma explicação…

Dr.Roi: Sua filha tem um problema muito sério, caros senhores. Ela vive no mundo dos sonhos e sua imaginação é muito desenvolvida.

Marta: Então podemos interná-la doutor, o mundo não está pronto para receber tantos questionamentos e teorias.

Dr.Roi: Senhora, não pode prender a criatividade da menina em um potinho e guardar no armário!

Marta: O que eu posso fazer, doutor?

Dr.Roi: Primeiro precisa entender a gravidade da situação, sua amada filha é como uma pipoca.

Marta: Está louco, doutor?

Dr.Roi: Claro que não senhora. A pipoca é feita a partir do milho que nasce em plantas menores e mais frágeis que as de milho comum, assim como a pipoca, existem diversas pessoas incríveis que são desvalorizadas pela sua pequinês e preferem ficar invisiveis para não incomodar. Só falta uma fagulha para a mente criativa explodir e a senhora conhecer o talento da sua menina.

Marta: Francamente, doutor! O senhor só fala por metáforas e essa história de pipoca parece coisa de maluco!

Dr.Roi: Senhora, se continuar aprisionando a mente da menina, seus sonhos vão se tornar serpentinas, soltos pelo ar, disfarçando os defeitos de um dia triste. O mundo precisa de pessoas sonhadoras que veem beleza nas coisas “bobas”. Sua filha tem o poder de tirar a tristeza dos seus olhos. Aceite-a por favor.

Naquele momento enquanto a mãe estava confusa com as palavras do doutor, a menina tinha a certeza que encontrou a sua personalidade, depois de tantas pessoas tentando aprisiona-la. Abriu um sorriso singelo e foi embora agradecendo ao universo todos os seus dons.

MK

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s